Siga nas redes sociais Facebook Instagram YouTube Linkedin
Dante Escuta
Moodle Colégio Dante Alighieri
Home / Ensino Fundamental II

6os anos e jovens da Acorde participam de oficina interdisciplinar sobre Van Gogh

Imprimir Compartilhar Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter Compartilhe no Google Plus
Em 14 de junho de 2010

Alunos dos 6os anos do Ensino Fundamental do Dante e alunos da ONG Acorde reuniram-se no edifício Ruy Barbosa na manhã de 12 de junho, sábado, para participar da oficina “Sonhos em amarelo”, um trabalho interdisciplinar inspirado no livro homônimo do escritor Luiz Antonio Aguiar.

A obra de Aguiar é uma ficção sobre a vida do pintor holandês Vincent Van Gogh, expoente do pós-modernismo. Van Gogh conseguiu expressar sua genialidade e talento na pintura a despeito de uma série de adversidades – aí inclusa uma provável xantopsia, enfermidade que o faria enxergar o mundo em tons de amarelo e que explicaria a presença dessa cor em grande parte de seus quadros.

O trabalho envolveu os Departamentos de Arte, Inglês, Língua Portuguesa e Tecnologia Educacional, que, em conjunto, e utilizando diversos espaços do Colégio, dividiram a oficina em três momentos: pintura coletiva no pátio da Amarelinha, montagem de girassóis (flor presente em várias das obras do artista), e oficina integrada de Inglês e Língua Portuguesa, em que os alunos recriaram a capa do livro em ambos os idiomas.

“O encontro foi pleno: atendeu expectativas pedagógicas e integrou os dois grupos, produzindo um momento muito especial para o Dante”, relata a coordenadora do Departamento de Tecnologia Educacional, professora Valdenice Minatel.

“Foi uma atividade muito interessante, e houve uma grande socialização. Os alunos produziram juntos o tempo inteiro, ajudando uns aos outros, e essa era a interação que buscávamos”, afirma a professora Sandra Romanello, coordenadora de Arte.

Já a professora Marília Negrini, coordenadora do Departamento de Inglês, acredita que, além do lado social da atividade, privilegiou-se o viés pedagógico pela oportunidade de analisar um conteúdo de diferentes maneiras. “A aprendizagem se torna mais significativa para o aluno quando ele vê o mesmo tema em nuances e aspectos diferentes. Quando há um fechamento, o conteúdo apresenta mais significado para o aluno”, comenta.

A orientação de várias disciplinas auxiliou a integração de crianças e jovens de diferentes origens, dispostos a produzir em conjunto e capazes de sobrepor, por exemplo, a claridade do amarelo das telas de Van Gogh ao cinza de uma chuvosa manhã de sábado. Nesse aspecto, encontra-se a relevância da oficina, como explica a professora Maria Cleire Cordeiro, coordenadora de Língua Portuguesa.

“Temos que enxergar o outro com olhos de igualdade, não interessando o que somos ou nossa cor, credo e raça. A todos nós deve interessar que somos humanos – e conduzir o aluno por esse caminho é nosso triunfo”.

Categorias: Ensino Fundamental II
error: Conteúdo protegido!!