Português Italiano Inglês Español
Siga nas redes sociais Facebook Instagram YouTube Linkedin
Home / Dante High School

Depoimentos – Dante High School

Imprimir Compartilhar Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter Compartilhe no Google Plus
Em 29 de outubro de 2015

Aluna: Carolina Rubini

Logo que eu recebi a circular sobre a oportunidade de fazer o curso do High School no Colégio Dante Alighieri, eu não sabia muito bem do que se tratava e achei que não ia fazer muita diferença para mim. No entanto, eu estava completamente errada.

Quando eu entrei no curso em 2011, eu achei que seria mais um daqueles cursos em que eu iria ficar sentada apenas olhando para frente e ouvindo o professor falar. Mas não foi bem assim que aconteceu. Os professores do High School eram todos native English speakers e, por isso, português estava longe de ser uma opção para a sala de aula. No começo, fiquei um pouco assustada em relação a não poder usar minha própria língua, mas hoje em dia vejo o quanto isso me ajudou e refletiu em todas as minhas conquistas até o momento. Logo na primeira aula, o professor pediu para que cada um contasse das suas experiências e vida como um icebreaker. Mas eu não sabia que esse era só o comecinho de algo bem maior. Ao longo da minha experiência no High School, eu debati com meus professores sobre Economia, Política, História, escritores e outros. E sim, eles escutam a opinião de cada um, o que deixa o curso bem mais interessante. Eu aprendi também a falar em público nas aulas de Speech, o que me ajudou muito nas minhas escolhas como profissional e estudante.

No segundo ano do Ensino Médio, eu fui para Boston, seguindo os passos do meu irmão mais velho Eduardo Rubini, para descobrir o que eu iria fazer como curso na universidade depois de me formar no colégio. Assim, apliquei para o Harvard Summer School e, com a ajuda de meus professores com cartas de recomendação e short answers, me vi em um lugar em que só se falava inglês e que eu iria passar dois meses. Lá, fiz dois cursos, Intellectual Property e Strategies and Conflict, em que tive dois excelentes professores e que também gostavam de saber da opinião dos alunos e dos debates gerados a partir dessas. Assim, apesar do medo inicial, eu comecei a “stand up for myself” de um modo em que eu nunca imaginei que iria acontecer, mas que graças ao curso do High School e dos meus professores, aconteceu. Além disso, a experiência de poder aprender sobre diferentes culturas e efetivamente entender os diferentes pontos de vista de acordo com cada país de origem, foi sensacional!

Adiante, após retornar do Harvard Summer School, eu decidi que queria fazer Administração, mas não queria ficar no Brasil. Eu simplesmente me apaixonei pelo estilo de ensino nos Estados Unidos e, assim, comecei a me preparar para o processo de Application, sendo ajudada pelo meu irmão – que faz University of Chicago – e por meus professores do High School. Foi um processo bem longo – de mais ou menos 1 ano – e complicado. Meus professores do High School me ajudaram com algumas questões do SAT Reasoning e TOEFL, ideias e correções de essays e cartas de recomendação. Como a maioria dos professores passou por esse processo, eles entendem muito bem e me ajudaram bastante! No final do curso, fui convidada junto com um amigo meu para ser Valedictorian da minha turma! Foi incrível! Após terminar o discurso, o recruiter da Texas Tech University me convidou para o processo de application deles, o que me deixou muito animada!

Atualmente, realizei meu sonho de estudar nos Estados Unidos. Faço Business Economics em UCLA! Assim, eu considero que o High School foi muito importante para mim, porque me ajudou a me comunicar em público, a entender mais sobre política e economia, a ter uma enorme fluência no inglês e, além de tudo, potencializou o meu sonho e, com a ajuda dos meus professores, eu consegui que esse sonho se tornasse realidade. Eu com certeza posso afirmar que meu caminho seria bem diferente sem o High School. Por isso, agradeço a todos que me ajudaram nessa conquista e recomendo a todos que desejam ter uma experiência única.

 

Aluno: César Shimura

“O High School ajudou a me preparar para o mercado de trabalho. Mesmo ainda novo (com 16 e 17 anos) achei que foi importante ter aulas em inglês. Em qualquer faculdade no exterior, para fazer um MBA ou Mestrado, provavelmente cursarei aulas em inglês e estudarei materiais em inglês; ou seja, o High School facilitou esse contato com a língua inglesa porque é bem diferente ter aula de Speech, Government ou Literature do que simplismente gramática. Posso dizer que isso me fez criar mais responsabilidade uma vez que tinha mais coisas para estudar durante as tardes no Dante. Hoje vejo que o mundo corporativo (global) demanda um alto nível de inglês e ter um duplo diploma é um diferencial que significa muito. Em suma, o High School criou novas oportunidades e conhecimentos que me ajudaram na escolha da minha faculdade e que, por sua vez, pode me ajudar com o futuro mercado de trabalho”.

Categorias: Dante High School