Siga nas redes sociais Facebook Instagram YouTube Linkedin
Dante Escuta
Moodle Colégio Dante Alighieri
Home / Institucional

Dante realiza confraternização de ex-alunos

Imprimir Compartilhar Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter Compartilhe no Google Plus
Em 12 de julho de 2013

“No tempo em que estudávamos aqui, tínhamos o costume de vir juntos, encontrando outros amigos no meio do caminho. O aluno que morava mais longe saía de casa sozinho, mas, ao chegar ao Colégio, ele fazia parte de um mar de estudantes que adentravam a Instituição”, lembra a ex-aluna Aurora Giora, que estudou no Colégio Dante Alighieri entre 1933 e 1944 e tem, vivas, muitas lembranças dos tempos de estudante.

Aurora fez relatos semelhantes a diversos dantianos que se reuniram, em 29 de junho, para a tradicional confraternização de ex-alunos. Aproximadamente 1,2 mil pessoas participaram do churrasco. Nas mesas, as memórias do Dante variavam bastante, já que havia formandos de diferentes décadas no evento, mas ao menos uma semelhança era incontestável em cada relato emocionado dos entrevistados: o amor pelo Colégio.

“Eu faço o que for preciso para vir aos eventos organizados pela AEDA [Associação de Ex-alunos do Dante Alighieri]. Às vezes a minha família toda vai a outro lugar e eu não vou junto, pois não posso perder a chance de me reunir com os meus amigos”, complementou Aurora, ressaltando também o valor do ensino que recebeu na Instituição, que teve grande valor em suas conquistas na vida. Assim que terminou o Ensino Médio, ela começou a estudar Química na USP. Posteriormente, ela formou-se em Engenharia, fez doutorado em Ciências e deu aulas na USP e no Mackenzie, instituição da qual foi reitora entre 1985 e 1997.

Fiammetta Palazio, pedagoga e ex-esportista que competiu nos Jogos Panamericanos de 1963 no nado sincronizado, destaca que o Dante sempre foi a base de sua vida. Ela estudou aqui entre 1937 e 1949 (excetuando-se um ano que passou na Itália). “E isso fica claro pelo fato de até hoje nós [Fiammetta e os colegas de sala do ginásio] nos reunirmos ao menos uma vez por ano. Continuamos sendo os meninos e as meninas do Colégio”, afirmou. “Nunca me esqueci daqui. Devo tudo o que consegui na vida a essa Escola e aos professores, que colaboraram não só com a formação clássica, mas também com a exposição de informações extremamente relevantes para nossas vidas.”

O evento

Neste ano, a aquisição de ingressos foi feita principalmente pela internet. No entanto, o Colégio viabilizou uma alternativa: os ex-alunos também tiveram a oportunidade de realizar a compra do convite na hora de entrar na confraternização. O preço subiu um pouco, mas por uma boa causa: toda a renda obtida na entrada do evento foi revertida à ONG Acorde, com a qual o Dante realiza diversas atividades, entre as quais o AcorDante e a Acorde Dante em Foco. Ao todo, 135 convites foram vendidos na porta pelos voluntários da instituição.

Como não podia deixar de ser, todos entoaram o hino da Escola e ouviram o badalar do sino, ato que acompanha o fim de cada aula no Colégio há décadas. Na ocasião, os presentes se depararam com diversas surpresas agradáveis, entre as quais a exposição de um ônibus de 1962 – totalmente restaurado – que fez parte da frota da instituição por mais de duas décadas.

O presidente do Colégio, dr. José de Oliveira Messina, afirmou que as confraternizações têm grande relevância na preservação do vínculo entre os ex-alunos e a Escola. “O Dante sempre teve, em suas raízes, a intenção de promover a união de sua família. E um dos meios de fazê-lo é promover essas grandes reuniões, que indubitavelmente reforçam a aproximação dos ex-alunos com o Colégio”, explicou dr. Messina. “E o alcance dos encontros é surpreendente: temos recebido correspondências de ex-alunos residentes em diversos países, como Inglaterra, Estados Unidos, França e Índia, e que fazem o possível sentir-se próximo ao Colégio.”

Para o presidente da AEDA, dr. Paolo Fabbriziani, a excelência do evento foi comprovada por todos os presentes. “Estava tudo muito bem organizado, e os dantianos ficaram muito satisfeitos com o resultado. Vi muita gente elogiando a confraternização, e fiquei contente por ver que conseguimos oferecer com excelência um espaço aconchegante para a família do Dante se reencontrar”, explicou dr. Paolo.

Categorias: Institucional
error: Conteúdo protegido!!