Português Italiano Inglês Español
Siga nas redes sociais Facebook Instagram YouTube Linkedin
Home / Destaque / Ensino Médio / Notícias

Dante conquista excelentes resultados em olimpíada de história

Imprimir Compartilhar Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter Compartilhe no Google Plus
Em 9 de agosto de 2019

Entre o final de agosto e o começo de setembro, três alunas do Dante vão participar da última fase da Olimpíada Nacional em História do Brasil (ONHB), promovida pela Unicamp. A competição aceita alunos da 1ª à 3ª série do Ensino Médio de escolas públicas e particulares de todo o país e tem, no total, sete fases, sendo que as seis primeiras aconteceram on-line e a sétima é presencial, na própria Unicamp. A primeira aconteceu em abril, contando com a participação de 69 dantianos divididos em 23 grupos. Em junho, 30 alunos passaram para a semifinal e, após essa etapa, três estudantes se classificaram como finalistas: Carolina Centeno, da 2ª série B, Carolina Mantovani, da 2ª série E, e Gabriela Abib, da 2ª série D.

“A última fase tem entrevistas com professores da Unicamp em que os estudantes precisam defender seus argumentos, e não sua opinião, sobre diversos temas de cultura geral. Cai cinema, literatura, artes, tudo. Essa olimpíada trabalha o âmbito do desenvolvimento da cultura nacional do povo brasileiro e não apenas fatos históricos”, explica o professor Carlos Roberto Diago, coordenador do Departamento de História. “Em sala de aula sempre falamos da importância da cultura geral, de adquirir essa bagagem e enriquecer seu repertório. Isso também ajuda na argumentação, além de ampliar sua visão de mundo. Além disso, em todo vestibular caem questões de cultura geral, além da redação, que é uma dissertação argumentativa. Portanto, participar da ONHB ajuda demais os alunos, pois eles se desenvolvem, refletem, debatem ideias, interpretam textos, aprendem a embasar argumentos etc. Tudo isso também motivou os alunos a levarem questões de referência cultural para a sala de aula. Uma das tarefas, por exemplo, foi sobre os anônimos da história, em que eles tiveram que buscar pessoas que acabaram esquecidas, mas que foram importantes para a construção do Brasil”, afirma ele.

Nas seis primeiras fases, a Unicamp soltava, semanalmente, uma tarefa on-line para os alunos responderem. A professora Jaqueline Almeida, que trabalhou no Dante como professora de história e de gestão pessoal e interpessoal para a 2ª série do Ensino Médio até o último mês de julho, prestou total apoio aos estudantes e coordenou a participação do Colégio na competição, ajudando os grupos com pesquisas e aulas extras semanais de duas horas de duração. Jaqueline mudou-se para Portugal para cursar doutorado na ilustre Universidade de Coimbra, uma das mais antigas instituições de ensino do mundo, fundada em 1290.

Categorias: Destaque, Ensino Médio, Notícias